• Início
  • Projetos
  • Mulheres + Não-violência

Mulheres + Não -Violência

Maria da Penha

Cearense de Fortaleza, Maria da Penha é farmacêutica bioquímica pela Universidade Federal do Ceará, com Mestrado em Parasitologia em Análises Clinicas, pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo, aposentada.

Em maio de 1983 Maria da Penha foi vitimada por seu então marido, Marco Antonio Heredia Viveros com um tiro nas costas enquanto dormia, que a deixou paraplégica. Marco Antônio por duas vezes foi julgado e condenado, mas saiu em liberdade devido a recursos impetrados por seus advogados de defesa.

Continue Lendo

Manjula Pradeed

La hindú Manjula Pradeed, de la casta dalit, trabaja como abogada en la defensa de decenas de mujeres y niñas de su casta, víctimas de violencia sexual.
Cada día cuatro mujeres o niñas dalit son violadas, según las Naciones Unidas.
Ellas padecen lo que se conoce como la “triple discriminación”: de casta, de clase y de género.

Continue Lendo

Ruby Bridges

Ruby Bridges é um ícone do movimento pelos direitos civis. E é o livro “Through My Eyes” onde é contada a história em primeira mão de como era ser uma garota negra de 6 anos de Nova Orleans, Louisiana, que preparou o terreno para a integração escolar.

Continue Lendo

Nísia Floresta

Nísia Floresta foi escritora e também educadora. Por seu empenho na luta em defesa de uma educação igualitária entre homens e mulheres, é considerada a precursora dos ideais feministas no Brasil.

Nasceu em 1810, em Papari, no Rio Grande do Norte, tendo vivido ainda em Pernambuco, no Rio Grande do Sul e no Rio de Janeiro.

Continue Lendo

Doria Shafik

Doria Shafik (1908 – 1975) (en árabe: درية شفيق) fue una feminista, filósofa, editora y poeta egipcia y una de las principales promotoras de los derechos de la mujer en Egipto desde mediados de la década de los cuarenta. Como resultado directo de sus acciones las mujeres egipcias consiguieron el derecho al voto en la constitución egipcia.

Continue Lendo

Vandana Shiva

Vandana Shiva, uma das mais respeitadas cientistas e ativistas da Índia, é uma das líderes dos movimentos de defesa da sustentabilidade ambiental e justiça social. Ela coordena uma vasta gama de grupos populares e rurais, incluindo iniciativas de ampla divulgação para a preservação das florestas da Índia, programas sobre a biodiversidade dirigidos a diferentes coletividades, e campanhas que contam com uma ampla base de apoio contra o Banco Mundial.

Continue Lendo

Rigoberta Menchú

Líder indígena guatemalteca (9/1/1959-). Nasce numa família de agricultores indígenas do interior da Guatemala e, desde pequena, trabalha na lavoura. Adolescente, participa de movimentos de reforma social promovidos pela Igreja Católica e se destaca na defesa dos direitos da mulher.

Continue Lendo

Marie Equi

Marie Diana Equi (7 de abril de 1872 em New Bedford, Massachusetts – 13 de julho de 1952 em Portland, Oregon) foi uma médica, física e ativista anarquista membro da IWW. Importante ativista gay e feminista lutou pela liberdade dos homossexuais no contexto norte-americano do final do século XIX início do século XX. Militou também contra a realização duas guerras mundiais sendo durante toda sua vida adepta do pacifismo.

mais info em inglês aqui

Quem Somos

Somos mulheres voluntárias, que queremos transformar nossa realidade, desenvolvendo e promovendo atividades em nossas comunidades.

Quer saber mais?

Projetos

Conheça os projetos nos quais a Warmis esta envolvida. Saiba o que fazemos e o que queremos mudar. Seja a mudança conosco!

Conheça!

Materiais

Lista de Materiais sobre migração, mulheres, não-violência ativa e humanismo universalista. Confira! A lista está sempre sendo atualizada.

Leia mais

Blog

Nosso Blog está sempre atualizado com as últimas notícias referidas aos nossos projetos e aos temas referentes a mulheres e migração.

Confira!